Conheça as áreas de atuação da Gestão de RH

A Gestão de Recursos Humano é uma área muito importante de uma empresa. Essa importância foi conquistada devida às mudanças que aconteceram nos últimos 20 anos.

Os empresários tiveram a percepção de que a “mão de obra simples” que tinham dos funcionários, não funcionava tão bem e passaram a investir no capital humano do negócio. Forneceram o reconhecimento da importância do papel, das contribuições e dos atributos do trabalhador para o sucesso do empreendimento.

Com todo esse reconhecimento, o mercado de Gestão de RH cresceu consideravelmente e necessita de profissionais cada vez mais capacitados para atuar nas suas diversas áreas.

Preparamos este artigo para você ficar por dentro dessa carreira promissora.

Nele, você vai descobrir:

o que faz um profissional do ramo;

as áreas de atuação da Gestão de RH;

como ser bem-sucedido na profissão.

O que faz um gestor de RH?

O gestor de Recursos Humanos é um profissional valorizado e requisitado pelo mercado. Isso acontece porque as empresas reconhecem que o capital humano é um de seus bens mais mais valiosos. Em outras palavras, sem os funcionários certos, a empresa não conseguirá atingir seus objetivos.

O RH tem papel fundamental na administração das emoções e comportamento dos funcionários. Ele é responsável por fazer a ligação do capital humano com o negócio e garantir que colaboradores e empresa sejam beneficiados com a relação trabalhista.

As funções de quem trabalha com Gestão de RH vão além das famosas atividades burocráticas do setor, como elaborar folha de pagamento e cumprir as leis trabalhistas e previdenciárias. O profissional também é responsável por motivar e engajar os colaboradores da empresa.

Isto é, ele desenvolve e implementa programas para aumentar a produtividade dos funcionários e garantir o bem-estar de todos no ambiente corporativo. Dentre as diversas atividades realizadas pelo profissional, estão:

– prestar consultoria interna na contratação e gestão de talentos;
– dar ênfase à cultura participativa e democrática;
– trabalhar a motivação e incentivar a realização pessoal de colaboradores;
– criar valor ao cliente interno e externo;
– preparar funcionários para ocupar altos cargos no futuro;
– planejar carreiras.

O profissional de Gestão de RH pode assumir:

O profissional de pode atuar em diversas funções, como:

Consultor de recursos humanos;
Gestor de recrutamento e seleção;
Assistente de departamento de pessoal;
Supervisor ou analista de cargos, salários e carreiras;
Analista de treinamento e capacitação;
Analista de recursos humanos;
Gerente ou diretor de recursos humanos.

Quais são as áreas de atuação?

O profissional de Recursos Humanos pode optar por uma atuação generalista, em que será responsável por várias tarefas da Gestão de RH, ou decidir especializar-se em uma das muitas áreas.

Confira quais são elas:

1. Recrutamento e Seleção

Em médias e grandes empresas, é comum que haja uma equipe dedicada para o recrutamento e seleção de novos colaboradores.

Esta área é responsável pela realização de todo o processo seletivo da empresa. Isto é, divulgação das oportunidades, avaliação de currículos, realização de dinâmicas e entrevistas pessoais, seleção e contratação do candidato.

Das ramificações da Gestão de RH, esta é considerada uma das mais importantes para as organizações. Afinal, a contratação de profissionais que não atendam aos requisitos ou fit cultural da empresa trará prejuízos ao negócio.

2. Departamento Pessoal

O DP lida com os processos legais e burocráticos relacionados aos colaboradores. Isto é, toda aquela “papelada” necessária para contratar, pagar, dar férias e demitir funcionários, por exemplo, são providenciadas pelo departamento pessoal.

Esta área coordena os processos da folha de pagamentos, de ponto, as faltas, quadro de férias, licenças, afastamentos, demissões, recebimento de vale-transporte e vale-alimentação, entre outras questões trabalhistas e previdenciárias.

3. Treinamento e Desenvolvimento

Esta área é bastante interessante para profissionais de Gestão de RH que têm afinidade com processos de educação e desenvolvimento de pessoas. Ela é responsável por capacitar os colaboradores da empresa.

Gestores que atuam nesta área analisam o perfil dos funcionários, como também realizam o mapeamento de necessidades e competências a serem desenvolvidas na empresa e em sua cultura organizacional. Sendo assim, identificando as forças a serem potencializadas e fraquezas a serem as eliminadas por meio da capacitação. Com esse levantamento, criam-se programas de treinamento personalizados para os colaboradores melhorarem seu desempenho na empresa.

Além disso, também é responsável por incentivar a capacitação fora da organização. Os profissionais de Gestão de RH sugerem aos colaboradores eventos, palestras e congressos interessantes realizados por profissionais ou empresas parceiras.

4. Remuneração, Benefícios e Áreas de Atuação

Esta é mais uma ramificação da Gestão de RH que se destaca, visto que uma política de remuneração bem desenvolvida e alinhada à estratégia da empresa é fundamental para garantir bons resultados ao negócio.

A área é responsável por definir e atualizar a remuneração de todos os profissionais da empresa. Isto é, cabe ao gestor verificar se todos os pisos salariais estão sendo cumpridos, atentar-se à política de remuneração e propor benefícios aos colaboradores.

É uma área importantíssima porque é uma das formas que a organização tem de atrair, valorizar e manter os talentos na empresa.

5. Consultoria de Recursos Humanos

A consultoria de RH tem como objetivo realizar um diagnóstico da empresa em diversas áreas. O profissional pode fazer pesquisa de clima organizacional, mapear competências e comportamentos, desenvolver estratégias para retenção de talentos e otimizar processos baseados na gestão de pessoas. O consultor interno de Recursos Humanos tem as áreas da empresa como clientes e busca compreender suas necessidades, gerando alternativas e auxiliando na implementação das melhores soluções.
O que fazer para ter sucesso no ramo de Gestão de RH?

Para você ser bem-sucedido, é preciso investir na sua formação. A graduação é requisito mínimo e é fundamental para aprender as técnicas, práticas e utilização de ferramentas para exercer a função.

Mas os estudos não param por aí! Apesar de você encontrar um mercado repleto de oportunidades, ele é bastante exigente e requer atualização constante do profissional.

Por isso, investir em cursos de qualificação, atualização e especialização na área de Gestão de RH que você deseja atuar é essencial.

Por fim, desenvolver as habilidades e competências desejadas pelo mercado vai fazer a diferença na hora dos processos seletivos. Confira algumas delas:

ter excelente conhecimento da empresa, do negócio, dos seus consumidores e do setor em que a organização atua;
conhecer em detalhes a situação atual do mercado, os concorrentes e os impactos que as medidas econômicas e legislativas implementadas pelo governo e as inovações tecnológicas causarão na empresa;
dominar línguas estrangeiras;
ter foco em resultados e nas pessoas;
valorizar e respeitar a diversidade cultural;
visão estratégia em longo prazo.

Percebeu como a Gestão de RH é uma área ampla, interessante e desafiadora? Se você gosta de trabalhar com pessoas e ajudá-las a dar sempre o seu melhor, esse é o ramo certo para você.

Agora que você já está por dentro das áreas de atuação da Gestão de RH, que tal conhecer em detalhes o curso de Gestão de Recursos Humanos, reconhecido e bem avaliado pelo Ministério da Educação?

(Visited 18 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *